Treinamentos, Palestras e Coaching

Planejamento Estratégico de Vida e Administração do Pensamento: Uma Nova Maneira de Ver, Julgar e Agir

O planejamento estratégico de vida importa em visão do futuro e em definir rumos, possibilidades e linhas de ação. É através da ação que se produzem resultados e que se conhece quem uma pessoa realmente é. Mas para que se possa agir com efetividade é fundamental que se saiba administrar os próprios pensamentos, pois pensamento gera emoção, que gera ação, que produz resultados.  Entretanto, para poder administrar os pensamentos é preciso começar pela consciência, pois só se pode controlar aquilo de que se tem consciência. O fato é que mais de oitenta por cento do que pensamos é inútil e não agrega valor para nossa vida, seja profissional, seja pessoal. Portanto, estamos diante de uma questão fundamental em todos os planos de vida e, como decorrência, para poder administrar os próprios pensamentos é preciso responder à pergunta: aquilo que se pensa agrega valor e tem a ver com o que é relevante? Ou é desperdiçada com pensamentos improdutivos, com foco em temas que fogem do nosso controle e com as chamadas palavras assassinas internalizadas?

Mas a administração do pensamento importa também que se leve em conta a imaginação e a criatividade, pois como dizia Albert Einstein, a imaginação é mais importante que o conhecimento. Assim, primeiro se imagina o fruto, depois se inventa a árvore. Portanto, tudo começa, pelo pensamento e acaba na ação e como Buda já dizia: Tudo que somos é resultado do que pensamos“. Guimarães Rosa segue nesta mesma linha: “Toda ação principia mesmo é por uma palavra pensada“.